Our profile

 

History of Art

 

Integrated Territorial and Urban Conservation

 

Cemetery Art Research

 

Architectural Ceramics

 

Restoration of Architectonic and Industrial Heritage

 

Genealogical Research

 

Handwriting Psychology

 

 

quem somos?

Perfil biográfico

Publicações de Francisco Queiroz

Conferências e Comunicações

Reabilitação Urbana

Estudos sobre Centros Históricos

Análise ao Centro Histórico do Porto

Conservação Urbana e Territorial Integrada

Curso de Restauro Urbano Integrado

Materiais e Critérios de Intervenção

Núcleos Rurais em Áreas Suburbanas

História do Urbanismo

Estudos sobre Evolução Urbana

Leiria no Século XIX

Arquitectura e Urbanismo do Porto Romântico

Centros Cívicos em Portugal

História da Cidade e do Urbanismo em Portugal

História do Urbanismo em Portugal (ESAP)

História da Arte

Elaboração de Estudos e Consultoria

Portfólio

Estudos de Genealogia e de História da Família

Base de dados de Personalidades

Projectos mais recentes ou em curso

A Ornamentação Cerâmica na Arquitectura do Romantismo em Portugal

A Fábrica de Cerâmica das Devesas

Cerâmica Arquitectónica Portuguesa

Influência portuguesa na arquitectura de Pelotas

A Arte do Ferro Fundido e as Fábricas de Fundição no Século XIX

Património Arquitectónico Rural

Arquitectura rural em Gaia

A Casa do Terreiro, em Leiria

A "Villa Portela", em Leiria

Colecção Foto Beleza

A Casa de Tralhariz

Cerva: o Paço Vedro e outras casas 

A Casa do Campo Pequeno, no Porto

Princesa Augusta de Montléart

Teatro Baquet

Arte do Estuque no Romantismo

A arte do papel timbrado em Portugal

Fotografia do Século XIX em Portugal

Arte Tumular do Romantismo em Portugal

Cemeteries in Portugal

Os Cemitérios do Porto no Século XIX

Guide to Oporto Cemeteries

Sculpture in Portuguese Cemeteries

Personalidades no Cemitério da Lapa

Personalidades no Cemitério da Conchada

Artistas e Artífices do Século XIX

Base de Dados de Artistas do Século XIX

Conservação e Restauro

Consultoria e Investigação

Formação avançada em Conservação e Restauro

Curso de Restauro Urbano Integrado

Curso de Restauro Arquitectónico

Azulejaria e Ornamentação Cerâmica

Conservação de Materiais Pétreos e Cerâmicos

Psicologia da Escrita e do desenho

Novidades

 

 

Acumulando, desde 1994, experiência de investigação na área da História da Arte, e em áreas conexas, Francisco Queiroz foi construindo um percurso profissional cuja diversidade fica bem patente nas diferentes páginas deste portal. Com base neste percurso, e na credibilidade que dele resultou, foram-se constituindo parcerias com outros investigadores e com algumas instituições e empresas. Este portal reflecte, precisamente, o espectro alargado dessas parcerias, em termos de investigação, consultoria, e formação avançada, sobretudo até 2011 - ano a partir do qual muita da informação relativa à actividade de Francisco Queiroz passou a estar disponibilizada em outros portais.

 

josé

Francisco

ferreira

queiroz

Nasceu em Vila Nova de Gaia, no ano de 1973

Licenciatura em História, variante de História da Arte (Faculdade de Letras da Universidade do Porto, 1994).

Mestrado em História da Arte (Faculdade de Letras da Universidade do Porto, 1997). Ver sumário da tese...

Doutoramento em História da Arte (Faculdade de Letras da Universidade do Porto, 2003). Ver sumário da tese...

Pós-Doutoramento financiado pela FCT, intitulado "Arte Tumular do Romantismo em Portugal" (2008-2014). Clique aqui para saber mais...

Investigador Principal da Linha Temática "Heritage, Culture and Tourism" do CEPESE - Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade (Universidade do Porto).

Docente a tempo parcial na Escola Superior Artística do Porto, desde 2000. É actualmente professor da área científica da História da Arquitectura no Mestrado Integrado em Arquitectura da mesma instituição (categoria profissional: professor auxiliar).

Formador de professores acreditado nas áreas da História da Arte e da Psicologia da Expressão (Registo: CCPFC/RFO-05236/98). Acreditação pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional como formador (Certificado de Aptidão Profissional n.º EDF 433866/07 DN).

Consultor em Psicologia da Escrita e Perito de Escrita Manual. Saber mais sobre...

Consultor e formador na área da Reabilitação de Centros Históricos. Saber mais sobre...

Autor de numerosas publicações científicas...

 

LISTA DE PUBLICAÇÕES científicas de Francisco Queiroz

 

 

 

 
actividades científicas E PROFISSIONAIS anteriores mais relevantes de Francisco Queiroz E FORMAÇÃO COMPLEMENTAR OBTIDA:

(Esta lista deixou de ser aqui actualizada em Outubro de 2011, prevendo-se para breve a disponibilização de uma versão mais completa e em permanente actualização)

 

Participou em vários trabalhos arqueológicos, nomeadamente na escavação de duas mamoas na Serra da Aboboreira (1992) e na escavação das ruínas do Castelo de Aljustrel (1993).

Frequentou o curso livre de Arte Paleocristã leccionado pelo Prof. Doutor Carlos A. Moreira Azevedo (Círculo Dr. José de Figueiredo - Museu Nacional Soares dos Reis), 1993.

De Agosto de 1998 até Maio de 1999, realizou investigação sobre História da Indústria para o Museu da Ciência e Indústria do Porto, no âmbito das Comemorações dos 150 Anos da Associação Industrial Portuense, a qual culminou na exposição "Um século de indústria no norte, 1834-1933: o génio dos engenhos", que esteve patente no Europarque e da qual se fez catálogo.

Orientou numerosas visitas guiadas, muitas das quais no Porto (centradas nos cemitérios históricos e no Património arquitectónico da cidade).

visita guiada (2010)

Foi orador convidado no âmbito do "XVII Encontro Juvenil de Ciência" (Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, 8 de Setembro de 1999).

Foi orador convidado nas "Jornadas do Ferro Forjado", organizadas em Coimbra pelo Grupo de Arqueologia e Arte do Centro, em 25 de Setembro de 1999.

Leccionou no Centro de Formação de Professores de Paredes a acção de formação História da Arte Portuguesa – a face visível da nossa História das mentalidades, de Setembro a Novembro de 1999 e de Março a Setembro de 2006 (50 horas, registo de acreditação: CCPFC/ACC – 12359/98).

Foi orador convidado no âmbito do seminário de preparação para a Prova de Aptidão Profissional dos finalistas do curso de Design de Equipamento (na vertente do design de arte funerária) da Escola Profissional Centro de Estudo e Trabalho da Pedra, em 25 de Maio de 2000.

Leccionou no Centro de Formação de Professores de Paredes a acção de formação Compreender a cidade – a História do urbanismo, em Julho de 2001 (25 horas, registo de acreditação: CCPFC/ACC – 19187/00).

Leccionou no Centro de Formação de Professores Gaia Sul a acção de formação Gaia - Património e História Local, de Maio a Junho de 2000 e de Maio a Junho de 2001 (25 horas, registo de acreditação: CCPFC/ACC – 14929/99).

Foi orador convidado de um seminário sobre tumulária do século XIX realizado no âmbito da semana multidisciplinar da licenciatura em Arte e Património da Escola das Artes (Centro Regional do Porto da Universidade Católica, 2 a 6 de Abril de 2001).

Foi orador convidado do seminário de Metodologia de Investigação em História da Arte, no âmbito dos dois últimos cursos de Mestrado em História da Arte em Portugal realizados na Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

Foi orador convidado de um seminário sobre tumulária familiar realizado no âmbito do I Curso de Pós-graduação em História da Família, na Universidade Moderna do Porto (Janeiro de 2002).

Foi um dos formadores do curso sobre Conservação e Restauro Arquitectónico, organizado no âmbito do programa de formação contínua da Ordem dos Arquitectos (Secção Regional do Norte), o qual decorreu no Porto entre Novembro de 2002 e Fevereiro de 2003.

Foi orador convidado no âmbito do Curso de Pós Graduação em Recursos Patrimoniais da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (Abril e Maio de 2004).

Foi um dos formadores do curso livre intensivo de Conservação e Restauro de Núcleos Históricos – materiais, critérios e metodologias (24, 25 e 26 de Fevereiro de 2005, 28, 29 e 30 de Abril de 2005) na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, organizado pelo Departamento de Ciências e Técnicas do Património – Laboratório de Conservação e Restauro.

Foi orador convidado no âmbito das comemorações dos 150 anos do Cemitério de Agramonte (24 de Setembro de 2005, Cemitério de Agramonte).

Foi orador convidado no âmbito do ciclo "Conferências no Museu" (Museu do Vinho do Porto, 13 de Maio de 2005).

Foi um dos formadores dos seguintes cursos para licenciados no activo, em 2006 e 2007: "Planeamento, Requalificação e Reabilitação de Centros Históricos", "Concepção e Produção de Eventos de Dinamização dos Centros Históricos do Minho-Lima" e "Concepção, Gestão e Animação de Percursos em Centros Históricos" organizados pela Setepés Formação para a Adriminho - Associação de Desenvolvimento Rural Integrado do Vale do Minho e para a TECMINHO / Universidade do Minho.

Foi um dos formadores do curso livre intensivo "Azulejaria e Ornamentação Cerâmica na Arquitectura do Romantismo – História, Técnicas, Conservação e Restauro" (8 e 9 de Novembro de 2007) no Museu Nacional de Soares dos Reis.

Foi o formador do curso livre intensivo "Restauro Urbano Integrado", em Lisboa e no Porto, cuja primeira edição realizou-se em 2008, tendo havido edições subsequentes.

Entre 2002 e 2009, foi investigador colaborador do GEHVID - Grupo de Estudos de História da Viticultura Duriense e do Vinho do Porto (Universidade do Porto) - unidade de investigação financiada pela Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Foi orador convidado da palestra "Turismo cemiterial: possibilidades, limites, desafios", proferida no dia 24 de Março de 2011, no auditório do ISCET.

Foi orador convidado do workshop "A escrita como ferramenta de diagnóstico: possibilidades e limites", integrado na XIX Semana de Psicologia e Ciências da Educação "Brainstorming: Ciência, Educação e Psicologia", Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto, 12 de Abril de 2011.

Na Escola Superior Artística do Porto, teve a seu cargo módulos opcionais de Teoria da Reabilitação e, anos antes, leccionou a unidade curricular de História do Urbanismo em Portugal. Antes da implementação do Processo de Bolonha, leccionara a disciplina de História da Arquitectura e Urbanismo, do 3º ano da licenciatura em Arquitectura (Novembro de 2000 - Julho de 2008). Foi Coordenador da Secção Autónoma de Teoria e História (2013-2014) e integrou ainda o corpo docente do IV Programa de Doutoramento "Problemas de la Arquitectura y Ciudad Moderna: Teoria, História, Proyecto", biénio 2005-2007 (Universidad de Valladolid / Escola Superior Artística do Porto).

 

 

© Francisco Queiroz

  todos os direitos reservados (texto e imagens)

Em linha desde (online since): 2004 | Página actualizada em (last modified): 13-11-2014